Terça-feira, 23 de Dezembro de 2008

um segredo de Natal

afinal o que torna o Natal assim tão especial? é por demais evidente que o Natal é a cada ano que passa, menos um celebrar do nascimento de Jesus e mais um frenesim consumista do nascimento do capitalismo.

hoje parece até algo ridículo falar do celebrar dum nascimento de um menino que nasceu em berço humilde, nas palhinhas duma manjedoura.se falarmos desse facto a algumas crianças, o mais provável é que nos primeiros instantes pensem que estamos a falar do Cristiano Ronaldo.

se já não é a parte religiosa do Natal que o caracteriza mais, então só pode ser a parte consumista e o ideal de Natal espectáculo que tem vindo a ser instituído nestes últimos anos.

características mais comuns de encontrar num Natal em pleno sec.XXI: muitas luzes e muito brilho nas ruas e em casa, centros comerciais, compras, muitas prendas, bolo rei, filhós, bacalhau, família reunida, viagens, a árvore de Natal, a figura do Pai Natal, crianças, festa, etc..

desde meados de Novembro que já começamos a ver nas ruas as iluminações. chega-se ao ponto de algumas ruas ficarem mais iluminadas com as luzes de Natal do que com a iluminação pública.e que tal seguirmos o exemplo dos Reis Magos e usar as estrelas como iluminação e ponto de referência?!!

já não se concebe um Natal sem a existência de centros comerciais onde passar tardes a ver montras ,para chegar ao dia 24 a fazer compras de última hora na loja dos chineses, ou na feira mais próxima.cá para mim ,o preço das cuecas e das meias devia aumentar no Natal. Talvez assim diminuísse a oferta desses artigos como prenda.

afinal qual é a ''taradice'' que certas pessoas têm em oferecer muitas prendas?!! serão todos estrangeiros ''podres'' de ricos ,ou serão donos, ou filhos do dono de um banco?é que se forem daqueles que choram a crise mas pagam tudo a crédito então são ''tugas'' com certeza.

espero que sejam estrangeiros porque se estiverem num dos outros grupos receio bem que algumas prendas ainda venham a ser penhoradas por falta de pagamento.

 Natal também é sinónimo de mesas fartas de alimento(e de pessoas fartas de comer certas iguarias tradicionais da época,como o bacalhau).com a quantidade de doces

(filhós, bolo rei) que ingerimos no Natal vamos ser responsáveis por mais uns quantos gordos no País.o bom da questão é que se deixarem crescer a barba e vestirem um fato vermelho podem ter um emprego garantido como Pai Natal no Colombo.

mas a maior característica do Natal é fazer com que pelo menos uma vez por ano haja um encontro familiar num ambiente de muita festa, com as crianças sempre a correr (e a derrubar bolas da arvore de Natal) para desentorpecerem as pernas das longas viagens feitas.

era eu puto com ar de anjinho quando para impor algum respeito e ordem na criançada, éramos ''ameaçados'' que se não ficássemos sossegados as renas não iam parar ali com os presentes porque tinham medo.

hoje são os putos a ''ameaçar'' os adultos que se não houver prendas partem a casa toda. Viva a evolução dos tempos!!viva o Natal tradicional!!

 

 

 

 

segredo revelado: acham mesmo que o Pai Natal existe??!!

vou revelar um segredo de Natal que qualquer jovem até aos 18 anos já sabe: o Pai Natal não existe!!!

se alguém com mais de 18 anos ler esta revelação é favor gritar baixinho, não desmaiar e acima de tudo é favor não dizer aos outros adultos!!

publicado por segredo_revelado às 20:49
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ''hellou''

. Ás 5 vou dar uma...volta ...

. 2016 : back to my (not so...

. O ''pacotão'' da Meo...

. ''Maizum''...

. Lá fora a chuva cai...

. Anselmo Ralph - Eu Te Ama...

. Olá 2014...

. Por aqui vai-se para a Ja...

. Solidão...

.arquivos

. Agosto 2019

. Julho 2016

. Janeiro 2016

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Novembro 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds